Bebê na praia: sete dicas para aproveitar o verão com o pequeno

No verão, a primeira coisa que a gente pensa é em aproveitar o sol e o mar, não é verdade? Afinal, é um ótimo momento para curtir com a família e os amigos e recarregar as energias. Mas e bebê na praia, pode? Essa é a dúvida de muitos papais e mamães e, para esclarecer tudinho, nós reunimos neste artigo sete dicas importantes para aproveitar a estação mais quente do ano com o pequeno. Veja!

1 – Bebê na praia só a partir dos seis meses

Essa dica é essencial: bebê na praia só a partir dos seis meses! Além de já ter a imunidade mais forte, o que é fundamental para evitar doenças, nessa idade o pequeno está com a pele um pouco menos sensível do que nos primeiros meses de vida, e isso é muito importante para garantir mais proteção durante a exposição ao sol.

2 – Protetor solar é fundamental

Também é a partir dos seis meses que o bebê pode começar a usar o protetor solar. Mas não é o mesmo produto que o dos adultos, por isso, cuidado! Existem protetores próprios para bebês e eles devem ser passados em todo o corpo do pequeno, mesmo que ele fique embaixo do guarda-sol. Vale lembrar que é importante repassar o produto durante o dia.

3 – Roupinhas frescas são as melhores

Mesmo a partir dos seis meses, a pele do bebê ainda é sensível. Assim, após passar o protetor solar, é interessante vestir o pequeno com uma roupinha que o proteja do sol. As mais indicadas são as com proteção UV, específicas para a exposição solar, e as de algodão, um tecido macio e fresquinho. Os macacões curtos, por exemplo, são super confortáveis e permitem a transpiração, o que garante o bem-estar do bebê na praia. Além disso, o chapéu também é essencial, mesmo na sombra.

Sempre que o bebê se molhar, é importante trocar a roupinha e a fralda para que o atrito com a peça molhada não cause irritação e assadura na pele. Por isso, leve algumas mudas a mais e duas toalhas: uma para estender na areia para o pequeno brincar e outra para secá-lo. Em relação à fralda, você também pode optar pelos produtos próprios para piscina e praia, que não encharcam.

4 – Alimentação natural é uma boa pedida

A amamentação está liberada na praia, mas caso o bebê não se alimente apenas do leite materno, invista em produtos naturais, como frutas, papinhas e outras comidinhas que ele esteja acostumado a comer. Se o seu pequeno toma mamadeira, deixe para preparar o leite no local. E evite comprar alimentos de origem desconhecida.

A hidratação também é super importante e vale até levar um isopor para deixar tudo fresquinho. Ofereça água, água de coco, suco natural e outros líquidos para garantir a saúde do bebê na praia!

5 – Brinquedos são super legais

Por si só, a praia já é uma diversão e tanto para os pequenos, mas não custa levar alguns brinquedos para distraí-lo. Aposte nos menores e que são próprios para molhar e jogar na areia. Outra boa opção é uma piscina inflável pequena, que você pode encher com água doce. Nesse caso, lembre de ficar de olho na higienização, já que o bebê pode fazer xixi no local.

6 – Local e horário adequados garantem proteção

Apesar de ser mais fofinha e preferida pelas crianças, a areia seca costuma concentrar fezes de animais, que podem estar contaminadas com ovos e larvas que causam os bichos geográficos. Por isso, procure ficar com o bebê em espaços em que a areia é úmida. O pequeno também pode brincar no mar, mas é preciso assegurar que a água seja limpa e com temperatura agradável e cuidar para que ele não engula a água salgada.

Em relação ao horário, a orientação é a mesma que vale para os adultos: os melhores períodos são antes das 10h e após as 16h. Porém, não exagere na exposição solar, mesmo que a criança esteja embaixo do guarda-sol.

7 – Um banho refrescante é uma delícia

Depois de brincar no mar e com a areia, um banho com água fresquinha é uma delícia e também serve para proteger o pequeno. Nessa hora, use bastante sabonete em todo o corpinho dele, principalmente nas dobrinhas, para garantir que não fique nenhum resíduo de areia ou mesmo de protetor solar. Após o banho, passar um hidratante específico para bebês também é uma boa pedida!

E então, gostou das nossas dicas? Deixe um comentário aqui embaixo se tiver alguma dúvida ou se quiser compartilhar as suas experiências com o bebê na praia. Nós vamos adorar saber! Além disso, você também pode sugerir um assunto para conversarmos por aqui no nosso próximo artigo!

Compartilhe